Lâmpadas e velas

Troca de cabos e velas em Cabo Frio

Revisão de cabos e velas diminui risco de pane

A revisão de itens de segurança do veículo é essencial. Além de freios, lâmpadas, sistema de arrefecimento, pneus, extintor e palhetas, um procedimento que reduz os riscos de panes na estrada é a revisão de velas e cabos de ignição. Quando esses componentes estiverem desgastados, o carro pode apresentar problemas de funcionamento. Os mais comuns são falhas durante a retomada de velocidade, dificuldade na partida do veículo, aumento do consumo de combustível e das emissões de poluentes.

Outro importante benefício da manutenção preventiva é evitar o desgaste prematuro de componentes do veículo e gerar economia, porque o valor do reparo, na maioria das vezes, é mais caro. Com a proximidade do período de férias, a revisão torna-se primordial para garantir uma viagem tranquila e evitar possíveis transtornos, uma vez que, em trajetos mais longos, aumenta-se o risco de falhas durante ultrapassagens e retomadas.

A Carpoint recomenda a remoção das velas de ignição para inspeção a cada 10.000 km. Velas de ignição com a vida útil ultrapassada podem danificar outros componentes, como cabos, bobinas, transformador, distribuidor e, até mesmo, o catalisador. A inspeção deve ser realizada por profissionais capacitados que poderão diagnosticar possíveis problemas de funcionamento do motor pelo estado de conservação das velas, após uma simples análise visual.

Vale ressaltar a necessidade de equipar o veículo com peças corretas, já que cada um possui modelos de vela e cabo de ignição apropriados. A utilização de peças inadequadas pode comprometer e danificar vários outros componentes. Além disso, a troca deve ser feita por um profissional qualificado.

Cabos de Ignição
Os cabos de ignição conduzem a alta tensão produzida pela bobina (transformador) até as velas de ignição, sem permitir fuga de corrente. Esta corrente é de baixa intensidade, porém a tensão elétrica necessária para gerar a centelha na vela é alta entre 20.000 e 30.000 volts. A checagem dos cabos deve ser realizada a cada 60 mil quilômetros ou a cada três anos. Para automóveis movidos a GNV – Gás Natural Veicular –, as revisões têm de ser a cada 30 mil quilômetros.

A resistência do cabo de ignição tem a função de reduzir o ruído gerado pelo próprio funcionamento do sistema de ignição evitando assim a interferência em sistemas eletrônicos do veiculo, tais como:

– Injeção eletrônica de combustível;
– Sistema de som;
– Sistema antifurto (alarmes, bloqueadores e rastreadores);
– Cambio automático com controle eletrônico;
– Controle eletrônico de tração e estabilidade;
– Sistemas de ABS e Air Bag;
– Rede CAN;
– Ar condicionado com controle eletrônico;

 


Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz